Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 18 de abril de 2017. Atualizado às 23h49.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

operação lava jato

Notícia da edição impressa de 19/04/2017. Alterada em 18/04 às 21h16min

'Exposição é dolorosa, mas necessária', diz Odebrecht

Em meio ao furacão das delações de 77 executivos e ex-executivos da companhia, a Odebrecht enviou carta a seu quadro de funcionários pedindo a todos "compreensão". A empresa diz que a "exposição negativa" - a partir dos depoimentos de seus próprios dirigentes e ex-dirigentes que revelam uma longa rotina de fraudes, desvios, corrupção e práticas ilícitas em geral, é "dolorosa, mas necessária". "Nós precisávamos passar por isso", diz o texto. A Odebrecht assinala aos funcionários: "Seria impossível reconstruir a empresa que queremos para o futuro sem enfrentar a realidade de fatos ocorridos". A empreiteira destaca que os relatos de seus principais executivos querem "reconhecer erros, pagar pelos crimes e indicar outros responsáveis com apoio de provas".
 
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia