Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 06 de abril de 2017. Atualizado às 00h09.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Primeira Liga

Notícia da edição impressa de 06/04/2017. Alterada em 05/04 às 22h57min

Vitória em jogo fraco garante o Grêmio nas quartas de final

Everton marcou o gol na Arena

Everton marcou o gol na Arena


FOTO: LUCAS UEBEL/LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA/JC
A competição não atrai a atenção do público e é vista até como um empecilho, trazendo mais partidas para um calendário já apertado. Ainda assim, o confronto da noite de ontem entre Grêmio e América-MG pela última rodada da fase de grupos da Primeira Liga serviu para o técnico gremista Renato Portaluppi novamente observar o elenco que tem à disposição para as competições mais importantes da temporada. A vitória por 1 a 0 em um jogo fraco tecnicamente garantiu a classificação gremista para as quartas de final.
O primeiro tempo de partida não foi morno, foi gelado. Com praticamente nenhuma chegada perigosa no ataque por parte das duas equipes, o jogo se limitou a disputas de bola no meio de campo e tentativas de ataque frustradas pelas defesas adversárias.
Com a falta de qualidade da partida, os poucos torcedores que foram à Arena já se preparavam para o intervalo de jogo quando o Grêmio abriu o placar. Após triangulação pela esquerda, Arthur tocou para Everton dentro da área. O atacante bateu alto para vencer o goleiro João Ricardo e fazer o 1 a 0 aos 45 minutos.
O Grêmio teve controle total das ações na etapa final. Diferentemente do primeiro tempo, o time mineiro se absteve de avançar suas linhas. Os donos da casa atacaram mais, mas não conseguiram fustigar o gol dos visitantes.
O jogo só esquentou mesmo nos instantes finais, quando uma confusão na beira de campo, após o Grêmio não devolver a bola em atitude de fair play, gerou empurrões, bate-boca e duas expulsões.
Grêmio 1 x 0 América/MG
Bruno Grassi; Leonardo Gomes (Wallace Oliveira), Bruno Rodrigo, Bressan e Bruno Cortez; Arthur, Jailson, Fernandinho, Gastón Fernández (Lincoln) e Everton; Lucas Barrios (Maxi Rodríguez). Técnico: Renato Portaluppi.
João Ricardo; Auro, Messias, Rafael Lima e Ernandes; Gustavo Blanco (Rubens), Juninho, Christian Sávio (Alex Silva), Felipe Amorim (Matheusinho) e Renan Oliveira; Mike. Técnico: Enderson Moreira.
Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (BA)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia