Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 28 de abril de 2017. Atualizado às 00h16.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Agronegócios

Notícia da edição impressa de 28/04/2017. Alterada em 27/04 às 20h30min

Banco do Brasil lança Atendimento Especializado Agro para o Rio Grande do Sul

Nesta quinta-feira, o Banco do Brasil (BB) inaugurou em Alegrete seu novo modelo de atendimento aos agropecuaristas. Trata-se do Atendimento Especializado Agro. A iniciativa tem o objetivo aprimorar a experiência do cliente produtor rural, estreitando o relacionamento do banco com os clientes do campo.
O modelo está fundamentado por cinco atributos principais: atendimento realizado por equipe altamente capacitada em crédito rural; apoio de especialistas em investimentos; consultoria de engenheiros agrônomos localizados nas agências; horário de atendimento estendido (por agendamento) e; condução dos negócios por meio de esteira diferenciada. Com isso, a instituição espera que o produtor rural perceba um atendimento ágil e integral, em todas as fases da produção.
Para o superintendente estadual do BB, Edson Bündchen, esta é mais uma solução disponibilizada para que o produtor rural seja atendido com agilidade, segurança e comodidade por uma equipe altamente capacitada. De acordo com ele, a implantação do novo modelo em Alegrete é resultado da envergadura que o agronegócio tem no município e região. "Alegrete é a maior carteira agrícola do BB no Estado. O que pretendemos com este lançamento é oferecer ainda mais qualidade no atendimento aos clientes produtores rurais", salienta Bündchen. Além de Alegrete, o modelo já está vigente em Dourados (MS), Cascavel (PR), Araçatuba (SP), Uberlândia (MG) e Lucas do Rio Verde (MT).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia