Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 18 de abril de 2017. Atualizado às 12h43.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Empresas

Lucro do Goldman Sachs avança no 1º trimestre, mas fica abaixo da previsão

O Goldman Sachs relatou lucro líquido de US$ 2,26 bilhões no primeiro trimestre deste ano, ou de US$ 5,15 por ação, maior que o lucro deUS$ 2,68 por ação, relatado no mesmo período do ano anterior, quando o banco registrou o seu pior primeiro trimestre em 12 anos, devido às baixas taxas de juros.

Com o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) elevando as taxas de juros duas vezes em seis meses, muitos investidores esperavam um trimestre forte do Goldman, após os rivais JPMorgan e Citigroup terem relatado altas fortes em seus negócios no período citado. A previsão do FactSet era de lucro de US$ 5,31 por ação.

Neste primeiro trimestre, a receita cresceu de US$ 6,34 bilhões há um ano para US$ 8,03 bilhões. No FactSet, a expectativa era de avanço da receita do Goldman para US$ 8,37 bilhões.

Às 8h53min (de Brasília), as ações do Goldman Sachs recuavam 2,79% nos negócios do pré-mercado em Nova Iorque.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia