Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 17 de abril de 2017. Atualizado às 08h05.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

Alterada em 17/04 às 08h06min

Bolsa de Tóquio interrompe perdas recentes e fecha em alta marginal

A Bolsa de Tóquio fechou em alta marginal nesta segunda-feira (17), interrompendo uma sequência de quatro pregões negativos, impulsionada por ações chamadas "defensivas", que se beneficiam da demanda no Japão.
O índice Nikkei subiu 0,11%, encerrando a sessão a 18.355,26 pontos.
Contudo, os papéis de algumas exportadoras japonesas, principalmente do setor automotivo, mantiveram-se fracos antes de uma reunião do vice-presidente dos EUA, Mike Pence, com o vice-primeiro-ministro japonês, Taro Aso, que também ocupa a pasta de Finanças. O encontro de Pence e Aso terá início na terça-feira.
Entre montadoras, a Toyota caiu 0,67% hoje em Tóquio, enquanto a Honda recuou 0,58% e a Nissan perdeu 0,15%.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia