Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 13 de abril de 2017. Atualizado às 00h28.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

consumo

Notícia da edição impressa de 13/04/2017. Alterada em 12/04 às 19h42min

AGV projeta alta de 5,8% nas vendas de Páscoa

Páscoa é sinônimo de dar e receber chocolates, porém há quem passe a data muito bem sem os tradicionais doces. Essa é a aposta dos lojistas do Rio Grande do Sul. A pesquisa da Associação Gaúcha para Desenvolvimento do Varejo (AGV) aponta que, além de chocolate, 38% dos gaúchos gostariam que sua cesta de Páscoa tivesse também roupas; 20%, livros; e 14%, acessórios. O setor deve movimentar 5,8% de crescimento nominal em vendas para a data.
Conforme o presidente da AGV, Vilson Noer, já há uma projeção de melhora dos indicadores econômicos e de confiança, fato que anima os lojistas e principalmente os consumidores. "A Páscoa carrega um simbolismo muito forte, e algumas pessoas, além de chocolate, já compram ao menos um presente alternativo e colocam na cesta do coelhinho."
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia