Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 10 de abril de 2017. Atualizado às 22h47.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Fernando Albrecht

Começo de Conversa

Notícia da edição impressa de 11/04/2017. Alterada em 10/04 às 21h09min

Fraca, forte...

EDUARDO OLIVEIRA/DIVULGAÇÃO/JC
Parodiando o escritor Euclides da Cunha, a carne gaúcha é, antes de tudo, forte. Apesar dos reveses e da queda nas exportações e no consumo causados por algumas plantas, o produto começa a reverter o caos que se instalou. Em visita a Porto Alegre, o ministro substituto da Agricultura, Eumar Novacki (d), fez questão de saborear um assado tipicamente rio-grandense, quando foi ciceroneado pelo secretário estadual da Agricultura, Ernani Polo (PP). A julgar pelo olhar fixo, Novacki já estava salivando. A carne é fraca mesmo.

Bons de cama

Cientistas espaciais franceses estão à procura de 24 homens entre 20 e 45 anos com saúde perfeita, sem nenhum tipo de alergia, não fumantes e com peso ideal para passarem 60 dias deitados numa cama. Pagamento em euros, o equivalente a R$ 53 mil. Para ficar dois meses numa cama, é preciso a mesma condição para adentrar o quarto de casal desses apartamentos liliputianos: entrar com muito sono.
 

Vossa Magnanimidade...

O colunista Carlos Brickmann (blog Chumbo Grosso) conta que o prefeito paulistano João Doria (PSDB) determinou a extinção, na prefeitura, de denominações que indiquem diferenças de classe social entre os cidadãos. Todos serão chamados de "senhor" e "senhora", abolindo-se termos como Vossa Excelência, Vossa Senhoria, Vossa Magnanimidade, Vossa Eminência.

...agora é apenas Senhor

Certa vez, Brickmann foi informado de que deveria dirigir-se a determinado funcionário público de alto nível com o termo "Vossa Magnificência". "Primeiro achei que era pegadinha; ao ser informado de que era assim mesmo, exigi ser chamado de Vossa Gordência. Ele, Magnífico; eu, Gordo. Pelo menos no meu caso o título refletiria a realidade", diverte-se.

Valores da Educação

Dezesseis prefeituras gaúchas estão implantando na rede escolar de seus municípios o Programa Valores da Educação, criado pela ONG Parceiros Voluntários. O coração deste programa é a Tecnologia Social Tribos nas Trilhas da Cidadania, maior movimento de voluntariado jovem do Brasil, formado por milhares de estudantes da rede escolar pública e privada do Rio Grande do Sul.

Me espere, 2018

O deputado federal gaúcho Onyx Lorenzoni (DEM) abriu o verbo para o site Congresso em Foco. Disse que a reforma da Previdência já acabou, que o mais provável é Michel Temer (PMDB) se manter até 2018, "mas manco", sem força no Parlamento, que seria melhor o TSE cassar a chapa Dilma-Temer, e que o ministro da Fazenda, Henrique Meireles, é incompetente. Com prestígio no Congresso Nacional, Onyx é representante do neoconservadorismo. Candidatíssimo ao Palácio Piratini em 2018.

Por falar em navegação...

Desde o final do ano passado, já ocorreram mais de 45 viagens entre Rio Grande e o terminal de Santa Clara, em Triunfo, evitando mais de 2,8 mil viagens de caminhões neste trecho, graças à parceria entre o Tecon-RS, operador portuário, a Guarita, proprietária da embarcação, e a Braskem, proprietária de grande parte das cargas. Fala-se no uso de mais um barco.

No fundo do mar

A propósito do combustível utilizado pelo navio sul-coreano que afundou entre Brasil e Uruguai, o engenheiro mecânico Zilton Gomes da Silva informa que o combustível usado pelos grandes navios cargueiros é o fuel oil. Quanto à possibilidade de rompimento dos tanques, diz que o leito marinho apresenta temperaturas muito baixas e que, mesmo rompendo o tanque, ele não flutuará.

Os 80 no Copacabana

Cabeças brancas, rostos enrugados e sorrisos largos foram a tônica do encontro de cerca de 50 jornalistas na marca dos 80 anos, mais e menos, sábado no Restaurante Copacabana. Todos trabalharam em Porto Alegre em muitos jornais e revistas que não circulam mais: Clarin, A Hora, Última Hora, Diário de Notícias, Folha da Tarde, Revista do Globo e Jornal do Dia. Conversaram muito - bateram uma caixa, como se dizia nos anos 1960. Eles teriam muito a contar nas faculdades de Jornalismo.

Breve aqui

pg3 erosão na ERS 344, no Distrito de Cinquentenário - foto vilson winkler

VILSON WINKLER/DIVULGAÇÃO/JC
Rodovia interrompida no todo ou parte. A erosão está tirando gradativamente a proteção de terra no acostamento da ERS-344, no distrito de Cinquentenário, interior de Tuparendi, tornando a rodovia que liga este município a Santa Rosa perigosa para quem trafega. Principalmente pela falta de sinalização.
 

Miúdas

  • CERCA de 93 mil veículos demandarão a freeway sentido Litoral, e outros 58 mil, no sentido Interior, na Páscoa.
  • ANVISA interditou mais um lote de amendoim da marca Produtos Paulista por conter doses elevadas da cancerígena aflatoxina.
  • PERGUNTA inquietante: são feitos testes regulares com as dezenas de marcas de paçoquinhas à venda no mercado?
  • CINCO mil pessoas foram ver o prefeito paulistano, João Doria, no Fórum da Liberdade, sendo que 600 não puderam entrar. Aplaudido de pé.

Finais

  • CONSELHO de Odontologia/RS completa 50 anos.
  • ESCRITOR e pesquisador Paulo Rezzutti, vencedor do Prêmio Jabuti, autografa "D. Leopoldina - a história não contada!" hoje/19h/Saraiva do Praia de Belas.
  • CIDADES Inteligentes é o tema de painel organizado pelo Imed hoje/13h30min/Teatro do CIEE (Dom Pedro II, 861).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia