Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 22 de março de 2017. Atualizado às 11h00.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

França

Matthias Fekl é o novo ministro do Interior da França, após demissão de Le Roux

Matthias Fekl tomou posse nesta quarta-feira (22) como o novo ministro do Interior da França depois que Bruno Le Roux pediu demissão na terça-feira, após a revelação de que ele usou dinheiro público para empregar as filhas em seu escritório no Legislativo.

A renúncia de Bruno Le Roux veio em meio a uma investigação contra o candidato presidencial François Fillon por uso de fundos públicos para financiar empregos falsos para sua família.

Matthias Fekl, de 39 anos, foi secretário de Estado do Comércio Exterior. Entre suas atribuições, ele supervisionará a luta da França contra o extremismo islâmico, a imigração ilegal e outros crimes. O atual governo deixa o escritório em maio.

De acordo com o canal TMC, Le Roux empregava suas filhas como assistentes parlamentares por um montante total de salário de 55 mil euros (US$ 59 mil). Embora seja legal para os políticos franceses contratar pessoas da família, o relatório sugere que as filhas de Le Roux não realizaram todo o trabalho.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia