Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 24 de março de 2017. Atualizado às 12h43.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Educação

24/03/2017 - 12h13min. Alterada em 24/03 às 12h47min

Prefeitura de Porto Alegre notifica Cpers por pichação em ciclovia

No detalhe, EPTC registra a manifestante com spray na mão sobre a ciclovia

No detalhe, EPTC registra a manifestante com spray na mão sobre a ciclovia


EPTC/Divulgação/
O Sindicato dos Professores do Rio Grande do Sul (Cpers) receberá notificação por pichar uma ciclovia da Capital nesta sexta-feira (24). Ato foi flagrado pela Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), e medida foi determinada pelo prefeito Nelson Marchezan Júnior, ainda durante a manhã.
Por volta das 11h30min o prefeito anunciou a medida pelas redes sociais, se referindo ao ato como "vandalismo". Em menos de uma hora, a publicação já possuía mais de 300 interações, 35 compartilhamentos e 55 comentários. 
A pichação foi realizada por integrantes do grupo de professores que estavam protestando em frente ao condomínio onde reside o governador gaúcho, José Ivo Sartori, desde às 8h.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia