Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sábado, 25 de março de 2017. Atualizado às 20h15.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

copa do mundo

Alterada em 25/03 às 20h16min

Portugal vence com 2 golaços de Cristiano Ronaldo; Bélgica só empata e perde 100%

Era um jogo decisivo para a seleção portuguesa. E, novamente contando com o brilho de seu astro, a equipe de Cristiano Ronaldo derrotou a Hungria por 3 a 0, neste sábado, em Lisboa, pelas Eliminatórias Europeias da Copa do Mundo da Rússia.
Atual campeão europeu, Portugal entrou pressionado e, se fosse derrotado, perderia a vice-liderança do Grupo B para a própria Hungria. Mas a angústia durou pouco. Logo aos 30 minutos, o craque do Real Madrid avançou pela intermediária e tocou para Raphael Guerreiro, que cruzou rasteiro para André Silva apenas escorar para as redes.
Cristiano Ronaldo, então, assumiu de vez o protagonismo. Apenas cinco minutos depois, após receber passe de calcanhar de André Silva, ele chutou de fora da área, rasteiro, de esquerda, e marcou um bonito gol. E, já no segundo tempo, em cobrança de falta, o atacante acertou o canto e fechou o placar.
O resultado manteve Portugal na segunda posição do Grupo B, agora com 12 pontos, três a menos do que a líder Suíça, que derrotou a Letônia também neste sábado, por 1 a 0. Já a Hungria permaneceu com sete e complicou suas chances de classificação.
GRUPO H - Ainda neste sábado, também jogando em casa, a Bélgica contou com um gol aos 44 minutos do segundo tempo de Romelu Lukaku, do Everton, para evitar um vexame e empatar com a Grécia por 1 a 1.
Então 100% nas Eliminatórias, a seleção belga foi surpreendida aos 18 segundos da etapa final, quando Mitroglou recebeu na entrada da área e, com classe, tocou na saída de Courtois.
A Grécia, porém, complicou-se aos 15, após Tachtsidis receber o segundo amarelo e o consequente cartão vermelho. E, já aos 44, Lukaku recebeu cruzamento de Mertens, dominou no peito, girou e marcou um belo gol. Os gregos ainda tiveram um segundo jogador expulso, mas conseguiram segurar o empate.
Com o resultado, a Bélgica se manteve na liderança com 13 pontos, dois a mais do que a Grécia. A Bósnia-Herzegovina, por sua vez, goleou Gibraltar por 5 a 0 e está em terceiro, com dez pontos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia