Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sábado, 04 de março de 2017. Atualizado às 15h32.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

basquete

04/03/2017 - 12h55min. Alterada em 04/03 às 15h34min

Cavaliers bate recorde de cestas de 3 e estraga festa do Hawks

ATLANTA, GA - MARCH 3: Tim Hardaway Jr. #10 of the Atlanta Hawks shoots a lay up during the game against LeBron James #23 of the Cleveland Cavaliers on March 3, 2017 at Philips Arena in Atlanta, Georgia. NOTE TO USER: User expressly acknowledges and agrees that, by downloading and/or using this Photograph, user is consenting to the terms and conditions of the Getty Images License Agreement. Mandatory Copyright Notice: Copyright 2017 NBAE   Scott Cunningham/NBAE via Getty Images/AFP
      Caption

ATLANTA, GA - MARCH 3: Tim Hardaway Jr. #10 of the Atlanta Hawks shoots a lay up during the game against LeBron James #23 of the Cleveland Cavaliers on March 3, 2017 at Philips Arena in Atlanta, Georgia. NOTE TO USER: User expressly acknowledges and agrees that, by downloading and/or using this Photograph, user is consenting to the terms and conditions of the Getty Images License Agreement. Mandatory Copyright Notice: Copyright 2017 NBAE Scott Cunningham/NBAE via Getty Images/AFP Caption


Scott Cunningham/NBAE/Getty Images/AFP/JC
Pela segunda vez na temporada, o recorde de bolas de três pontos de uma mesma equipe numa partida da NBA foi batido. Desta vez, o feito coube ao Cleveland Cavaliers, que encestou 25 bolas de três (em 46 tentativas) na vitória por 135 a 130 sobre o Atlanta Hawks, sexta-feira à noite, fora de casa. Apesar do placar dilatado, o jogo não teve prorrogação - apenas os times se importaram pouco com a defesa.
O antigo recorde datava de 17 de dezembro do ano passado, quando o Houston Rockets converteu 24 cestas de três pontos na vitória sobre o New Orleans Pelicans. Naquela partida, porém, arriscou 61 arremessos de longa distância, um recorde na NBA - até novembro, esse recorde era 49, apenas três a menos do que o Cavaliers tentou na sexta-feira.
LeBron James foi responsável por seis das 25 cestas, anotando um total de 38 pontos no confronto. Kyrie Irving fez cinco, com 43 pontos no total para ele. Richard Jefferson, Kyle Kover, Derrick Williams, Channing Frye (três cestas cada) e Iman Shumper (duas) também estavam com a mão calibrada.
Kover, que jogou cinco temporadas no Hawks e foi trocado com o Cavaliers em janeiro, foi o responsável por fazer a cesta na qual o recorde foi batido, sendo aplaudido de pé pelos dois bancos.
A vitória foi a 42.ª do Cavaliers em 60 jogos, uma resposta do time de LeBron James à derrota sofrida para o vice-líder do Leste Boston Celtics na última quarta-feira. Já o Atlanta Hawks, que jogou de azul em homenagem a Pete Maravich, que teve seu número 44 aposentado pela franquia no intervalo, é o quinto colocado na mesma conferência.
BRIGA ESQUENTA - Dos 10 jogos de sexta-feira à noite na NBA, só um foi para a prorrogação. E foi exatamente esse que teve o placar mais baixo. No sufoco, o San Antonio Spurs passou pelo New Orleans Pelicans por 101 a 98, na casa do rival. DeMarcus Cousins teve a chance de empatar num arremesso de três pontos, mas falhou.
Assim, o astro, que recentemente foi trocado pelo Sacramento Kings, segue sem vencer desde que chegou ao Pelicans - o único triunfo da equipe nesse período foi sem o pivô, que estava suspenso.
Diante do Spurs, porém, Cousins pegou incríveis 23 rebotes, anotando 19 pontos. Seu companheiro de garrafão, Anthony Davis, ainda colheu outros nove rebotes, fazendo 29 pontos. Pelo Spurs, o cestinha foi Kawhi Leonard, com 31.
Como o Golden State Warriors perdeu seus últimos dois compromissos, o Spurs chegou. Com seis vitórias seguidas, o time de San Antonio tem 47 vitórias e 78,3% de aproveitamento, contra 50 vitórias do Warriors e 82% de aproveitamento. A disputa vale a liderança do Oeste e o mando de quadra extra numa possível final de conferência.
OUTROS JOGOS - Russell Westbrook ficou a uma assistência de alcançar mais um 'triple-double' na temporada. O armador teve outra atuação de gala, com 48 pontos e 17 rebotes, mas viu o Oklahoma City Thunder perder o Phoenix Suns por 118 a 111, fora de casa. Mesmo assim, a equipe continua em sétimo no Oeste, muito perto de uma vaga nos playoffs.
Já o Suns, que teve 14 pontos do brasileiro Leandrinho, em 19 minutos, segue como penúltimo do Oeste. Só tem campanha melhor que do Los Angeles Lakers, que perdeu o clássico contra o Boston Celtics, o mais tradicional da NBA, por 115 a 95, em casa. Segundo cestinha da NBA, Isaiah Thomas fez só 19 pontos - tem média de 29,4, contra 31,7 de Westbrook.
Outro clássico da rodada foi o da Flórida. Jogando em casa, o Orlando Magic levou a melhor e venceu o Miami Heat por 110 a 99, com 25 pontos de Nikola Vucevic. Os dois times estão fora da zona de classificação, ainda que o Heat ainda sonhe - tem só uma vitória a menos que o Detroit Pistons, oitavo colocado do Leste
Em Washington, o Toronto Raptors levou a melhor sobre o Wizards e ganhou por 114 a 106. Lucas Bebê e Bruno Caboclo não jogaram. As duas equipes duelam pelo terceiro lugar do Leste, com leve vantagem do Wizards. Em número de vitórias, o Raptors fica na frente.
Já o quarto colocado do Oeste é o Utah Jazz, que fez 112 a 97 no Brooklyn Nets, em casa. Raulzinho atuou por dois minutos, sem marcar pontos. Foi a segunda partida seguida dele, que desde 21 de janeiro não atua mais que 10 minutos num jogo.
Confira os resultados da NBA nesta sexta:
Philadelphia 76ers 105 x 102 New York Knicks
Washington Wizards 106 x 114 Toronto Raptors
Orlando Magic 110 x 99 Miami Heat
Atlanta Hawks 130 x 135 Cleveland Cavaliers
Milwaukee Bucks 112 x 101 Los Angeles Clippers
Dallas Mavericks 104 x 100 Memphis Grizzlies
Utah Jazz 112 x 97 Brooklyn Nets
Phoenix Suns 118 x 111 Oklahoma City Thunder
New Orleans Pelicans 98 x 101 San Antonio Spurs
Los Angeles Lakers 95 x 115 Boston Celtics
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia