Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 30 de março de 2017. Atualizado às 11h39.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

Alterada em 30/03 às 11h42min

Bovespa ronda a estabilidade, enquanto exterior melhora após dados dos EUA

A Bovespa iniciou os negócios nesta quinta-feira (30) rondando a estabilidade e assim continua mesmo após a abertura em Wall Street. Às 10h38min, o Ibovespa subia 0,03%, aos 65.548,56 pontos, com as blue chips Petrobras e Vale em direções opostas.
As ações da estatal sobem 0,20% (ON) e 0,48% (PN), em linha com os preços do petróleo, enquanto os papéis da Vale registram perdas de 0,93% (ON) e 0,87% (PNA), seguindo a leve desvalorização do minério de ferro negociado no mercado chinês.
No exterior, o dólar e os juros dos Treasuries aceleraram os ganhos, enquanto os futuros de ações em Nova Iorque reduziram as perdas depois da divulgação da terceira e última estimativa do Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA.
De acordo com o Departamento do Comércio, o PIB cresceu à taxa anualizada de 2,1% no quarto trimestre, acima da estimativa de 2,0%. Além disso, o índice de preços do PCE, a medida de inflação preferida do Fed, avançou 2,0%, melhor que estimativa anterior de +1,9%. Outro dado positivo foi o gasto do consumidor, que avançou 3,5% ante 3,0% na segunda estimativa.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia