Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 30 de março de 2017. Atualizado às 00h39.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

indústria

Notícia da edição impressa de 30/03/2017. Alterada em 29/03 às 20h47min

Fábricas gaúchas querem voltar a contratar

Rio Grande do Sul foi o principal exportador do País no primeiro semestre, com o embarque de 13 milhões de pares

Rio Grande do Sul foi o principal exportador do País no primeiro semestre, com o embarque de 13 milhões de pares


ANDRÉ NETTO/ARQUIVO/JC
Após 33 meses de queda, o Indicador de Emprego da Sondagem Industrial, divulgado ontem pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs), revela estabilidade, ao alcançar 49,7 pontos em fevereiro, na comparação com janeiro de 2017. Outro índice do levantamento, o da produção industrial, também chega a 49,7 pontos, mostrando, pela proximidade com a linha divisória dos 50, que ficou estável em relação ao primeiro mês do ano.
Para efeito de comparação, no mesmo período de 2016, o indicador estava em 45,7 pontos e, em 2015, em 40,6.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia