Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 28 de março de 2017. Atualizado às 07h59.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado Financeiro

28/03/2017 - 08h03min. Alterada em 28/03 às 08h03min

Bolsa de Tóquio fecha em alta, impulsionada por ações de eletrônicos

A Bolsa de Tóquio fechou em alta nesta terça-feira (28), recuperando-se após encerrar o pregão anterior no menor nível em mais de seis semanas.
O índice Nikkei subiu 1,14% na capital japonesa, a 19.202,87 pontos, depois de cair 1,44% ontem e atingir o patamar mais baixo desde 9 de fevereiro.
O fracasso do presidente dos EUA, Donald Trump, em aprovar um projeto de saúde no Congresso americano na semana passada foi o estopim da liquidação no mercado japonês e em outras partes da Ásia na segunda-feira.
O movimento de vendas no Japão, contudo, perdeu força, embora persistam temores de que Trump enfrente dificuldades mais adiante de implementar outros planos, que incluem cortes de impostos e maiores investimentos em infraestrutura.
Ações de fabricantes de eletrônicos foram destaque positivo em Tóquio hoje, caso da Sharp (+3,8%), da Fujitsu (+3,4%) e da Panasonic (+3,1%).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia