Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 14 de março de 2017. Atualizado às 22h41.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Previdência

Notícia da edição impressa de 15/03/2017. Alterada em 14/03 às 22h40min

Deputados apresentam 146 emendas à reforma

Arthur Maia (PPS-BA) afirmou que, do jeito que está, texto não passa

Arthur Maia (PPS-BA) afirmou que, do jeito que está, texto não passa


ANTONIO CRUZ/ABR/JC
Apesar dos apelos do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, para que os deputados da base do governo não alterem os principais artigos do texto original da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 287, da reforma da Previdência, parlamentares de todas as vertentes políticas apresentaram sugestões de mudanças na comissão especial que analisa a matéria.
O prazo para emendas acabou ontem, e houve 146 propostas de mudança, inclusão ou retirada de artigos da reforma. O relator da PEC na comissão, Arthur Maia (PPS-BA), já afirmou que, "do jeito que está, a reforma não passa" na Câmara.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia