Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 13 de março de 2017. Atualizado às 03h03.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

comércio exterior

Notícia da edição impressa de 13/03/2017. Alterada em 12/03 às 21h31min

Estado busca novas oportunidades de negócios e parceria na Argentina

O governo gaúcho começou, neste domingo, sua segunda missão oficial à Argentina. Desta vez, os destinos são as capitais das províncias de Mendoza e Misiones. Liderada pelo governador José Ivo Sartori, a comitiva é formada por secretários de Estado, deputados estaduais, dirigentes de federações e entidades, empresários e imprensa. O grupo participa de seminários setoriais bilaterais, e Sartori assina acordos de cooperação com os governadores das duas províncias.
"Nós já tínhamos realizado uma missão para a Argentina no ano que passou, e agora vamos fazer setorizada. Serão reuniões temáticas nas áreas da cultura, do turismo, do meio ambiente, do agronegócio e, especialmente no caso de Mendoza, da vitivinicultura", afirma o governador. A viagem é resultado de negociações que se iniciaram na primeira missão do governo do Estado à Argentina, em agosto de 2016.
Desde a primeira missão, as negociações e os encontros setoriais estão sendo coordenados pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (Sdect). O objetivo das missões é intensificar as relações com o país vizinho, que é também o maior parceiro comercial do Rio Grande do Sul no Mercosul.
Para o governo, os acordos de cooperação fortalecem as relações regionais no âmbito do bloco e as chances de concretizar novas parcerias comerciais em conjunto, buscando aumentar a participação no mercado mundial, já que existe semelhança na produção e na pauta de exportação. "Não precisamos disputar entre nós. Vamos trabalhar para buscar o mercado internacional das nossas exportações, defendendo os interesses, tanto da Argentina como do Rio Grande do Sul e do Sul do Brasil", sustenta Sartori.
O governador adianta que esta deve ser a ideia central da Reunião de Governadores Brasil Sul e Argentina, que acontece no dia 31 de março, em Porto Alegre. Além de reforçar a importância dos governadores de Mendoza, Alfredo Cornejo, e de Misiones, Hugo Passalacqua, no encontro, Sartori também aproveita a oportunidade para convidá-los para a Expointer 2017, no fim de agosto. A missão tem o apoio do Ministério das Relações Exteriores.
As agendas da missão serão nas cidades de Mendoza e Posadas, capitais das províncias de Mendoza e Misiones, respectivamente. O primeiro compromisso da comitiva foi a recepção oferecida pela cônsul-geral do Brasil em Mendoza, embaixadora Eliana Puglia, em parceria com o governo local, no domingo à noite. Hoje, a programação começa na Enoteca, com a reunião das delegações do Rio Grande do Sul e de Mendoza.
Em seguida, ocorre o Seminário Bilateral - Oportunidades de Negócios Rio Grande do Sul-Mendoza. Após a exposição, ocorrem mesas de reuniões institucionais e técnicas, dirigidas aos setores de Turismo e Cultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Governança do Acordo de Cooperação. Simultaneamente, ocorrem os encontros temáticos bilaterais das federações empresariais e autoridades legislativas.
O governador se reúne ainda com o governador de Mendoza, Alfredo Cornejo, na Casa de Governo, sede do Executivo da província. Na pauta do encontro estão as relações bilaterais entre os dois estados, o desenvolvimento econômico e comercial da região, e o Mercosul. Acompanham o encontro os secretários de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Fábio Branco, e de Políticas Sociais, Maria Helena Sartori. Ao término do encontro, os governadores assinam o acordo de cooperação entre os dois estados.
A missão chega a Posadas esta noite e segue para uma recepção oferecida pelo governador de Misiones, Hugo Passalacqua. Amanhã, a programação começa no Centro de Conhecimento, com a reunião das delegações do Rio Grande do Sul e de Misiones. Em seguida, ocorre o Seminário Bilateral Rio Grande do Sul-Misiones. Após a exposição, ocorrem as mesas de palestras temáticas, dirigidas ao Meio Ambiente, Agricultura, Políticas Sociais e Trabalho, Turismo e Cultura, Desenvolvimento Econômico, Políticas Sociais, e Relações Bilaterais no Âmbito Legislativo.
A agenda desta terça-feira inclui também um encontro de Sartori com Passalacqua e o governador de Itapua (Paraguai), Luis Gneiting. Na pauta do encontro está a cooperação entre Rio Grande do Sul e Misiones nas áreas de meio ambiente e agricultura, o encontro dos governadores Brasil Sul e Argentina, e a Expointer 2017. Sartori e Passalacqua assinam dois termos de cooperação: um entre Rio Grande do Sul e Misiones, e outro específico na área de meio ambiente.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia