Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 31 de março de 2017. Atualizado às 08h11.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Edgar Lisboa

Repórter Brasília

Notícia da edição impressa de 31/03/2017. Alterada em 30/03 às 22h26min

Receber à bala

Em um Brasil que esqueceu os padrões mínimos de civilidade, fica difícil determinar se a frase do ex-ministro Ciro Gomes (PDT) - "Hoje, esse Moro resolveu prender um blogueiro. Ele que mande me prender. Eu vou receber a turma dele na bala" -, dirigida ao juiz Sérgio Moro, é apenas mais um capítulo do poço que o Brasil cava ao redor de si ou se é o começo de uma era um pouco mais ignorante. Mas, como o seu irmão Cid Gomes (PDT) fez ao chamar os deputados de "achacadores", Ciro mexeu nos brios de alguns parlamentares.
Prende esse ladrão
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia