Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017. Atualizado às 21h35.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Câmara de Porto Alegre

Notícia da edição impressa de 17/02/2017. Alterada em 16/02 às 22h34min

Oposição questiona irregularidades em ônibus

Carlos Villela, especial para o JC
A bancada do PSOL protocolou, nesta quinta-feira, na Câmara Municipal um pedido de informações sobre a fiscalização do transporte coletivo em Porto Alegre. No documento apresentado pela líder do partido na Casa, vereadora Fernanda Melchionna, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) deve mostrar dados sobre cobranças de multa dos últimos cinco anos por descumprimento de tabela horária dos ônibus.
A solicitação da bancada foi feita após o diretor da EPTC Marcelo Soletti afirmar que há a possibilidade de diminuir o número de horários de linhas de ônibus fora dos momentos de pico como uma das possíveis soluções para o déficit de R$ 100 milhões alegado pelas empresas concessionárias. 
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia