Porto Alegre, segunda-feira, 06 de fevereiro de 2017. Atualizado às 13h56.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Moreira Franco ganha foro privilegiado como novo ministro

O presidente Michel Temer anunciou na quinta-feira (2), uma minirreforma ministerial e concedeu status de ministro a Moreira Franco, atual secretário de Parcerias de Investimentos (PPI), citado na Lava Jato. Foram recriados dois ministérios - Direitos Humanos e Secretaria-Geral da Presidência - passando de 26 para 28 pastas, e a Justiça foi reestruturada. Ao virar ministro, Moreira Franco (PMDB) ganha foro privilegiado e, se responder a processo, passa a ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O peemedebista comandará, além do PPI, a Secretaria de Comunicação (Secom), o cerimonial e a administração da Presidência da República. Questionado se a nomeação teria sido feita para proteger Moreira na Justiça, Temer afirmou em sua fala que a nomeação de Moreira foi feita para "estruturar" o Planalto com a presença de um secretário-geral. 
 

FOTO Beto Barata/PR/JC
06/02/2017 - 14h48min