Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 27 de janeiro de 2017. Atualizado às 01h40.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

STF

Notícia da edição impressa de 27/01/2017. Alterada em 26/01 às 20h52min

Juízes federais sugerem30 nomes para o Supremo

Sérgio Moro é um dos cotados para a vaga

Sérgio Moro é um dos cotados para a vaga


AFP/JC
A Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) divulgou, nesta quinta-feira, sua lista preliminar de candidatos para uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF). Há 30 nomes, entre eles os juízes federais Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato em Curitiba, e Marcelo Bretas, que cuida dos desdobramentos da operação no Rio de Janeiro.
Agora, os filiados da Ajufe vão poder escolher até três nomes. No final, os três mais votados serão encaminhados ao presidente Michel Temer (PMDB), responsável por indicar o novo ministro na vaga deixada por Teori Zavascki, morto na semana passada. Temer não tem nenhuma obrigação de acatar os nomes sugeridos.
A associação tem 1.900 filiados, que poderão escolher os nomes de sua preferência. Além de Moro e Bretas, há quatro ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) na lista: Reynaldo Soares da Fonseca, Mauro Luiz Campbell Marques, Maria Isabel Gallotti e Nefi Cordeiro. A consulta será pela internet e irá até o dia 31 de janeiro.
Os 30 nomes foram obtidos a partir de sugestões dos próprios filiados da Ajufe, que escolhiam três nomes de sua preferência. Os mais votados estão disponíveis agora para finalmente chegar a uma lista com apenas três nomes.
A Constituição diz que, para ser indicado ministro do STF, é preciso ter entre 35 e 65 anos, e possuir notável saber jurídico e reputação ilibada. A escolha cabe ao presidente da República, mas o nome precisa ser aprovado depois pelo Senado.
Candidatos da Ajufe:

- Alexandre Vidigal de Oliveira

- Aluísio Gonçalves de Castro Mendes

- Cássio Murilo Monteiro Granzinoli

- Dirley da Cunha Júnior

- Edilson Pereira Nobre Júnior

- Eduardo Vandré Oliveira Lema Garcia

- Eurico Zecchin Maiolino

- Fausto De Sanctis

- Fernando Quadros da Silva

- Guilherme Calmon Nogueira da Gama

- Iorio Siqueira D'Alessandri Forti

- João Pedro Gebran Neto

- Jorge Antônio Maurique

- José Valterson de Lima

- Leandro Paulsen

- Liliane Roriz

- Luiz Alberto Gurgel de Faria

- Luiz Claudio Flores da Cunha

- Luiz Fernando Wonk Penteado

- Marcelo da Costa Bretas

- Maria Isabel Gallotti

- Mauro Luiz Campbell Marques

- Nefi Cordeiro

- Nino Oliveira Toldo

- Paulo Afonso Brum Vaz

- Paulo de Tarso Sanseverino

- Paulo Sérgio Domingues

- Reynaldo Soares da Fonseca

- Sérgio Fernando Moro

- Walter Nunes da Silva Júnior
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia