Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 10 de janeiro de 2017. Atualizado às 09h46.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

relações internacionais

Alterada em 10/01 às 10h51min

Condolências por morte de Soares reforçam elo entre Brasil e Portugal, diz Temer

Em viagem a Portugal, Temer se reuniu com o presidente do país, Marcelo Rebelo de Sousa

Em viagem a Portugal, Temer se reuniu com o presidente do país, Marcelo Rebelo de Sousa


Isac Nóbrega/PR/jc
O presidente Michel Temer (PMDB) fez uma breve declaração após se encontrar com o presidente de Portugal, Marcelo Rabelo de Sousa, em Lisboa, onde vai participar do funeral do ex-presidente português Mário Soares.
Temer falou que se encontrou com o presidente para reforçar a ligação entre os dois países, consolidada, segundo ele, por Soares. "Ao trazer as condolências, esse nosso gesto visa reforçar a ligação entre Brasil e Portugal enaltecida ao longo do tempo pela figura exponencial, mais do que portuguesa, mas internacional do grande português Mário Soares", disse o presidente brasileiro.
Temer destacou que Mário Soares fez "as mais grandes amizades" no Brasil, destacando a relação com o ex-presidente José Sarney, que integra a comitiva brasileira em Portugal. O presidente brasileiro também transmitiu as condolências do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.
Na entrada do Palácio de Belém, sede do governo português, um grupo de brasileiros que vive em Portugal protestava contra Temer, informou a TV estatal local RTP, que não deu detalhes sobre o número de manifestantes.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia