Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 16 de janeiro de 2017. Atualizado às 21h43.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Síria

Notícia da edição impressa de 17/01/2017. Alterada em 16/01 às 20h31min

Rebeldes sírios irão a conversas de paz

Grupos rebeldes envolvidos na guerra civil na Síria anunciaram ontem que participarão das conversas de paz mediadas por Rússia e Turquia, agendadas para 23 de janeiro em Astana, capital do Cazaquistão. O principal objetivo da conferência é discutir a implementação de um cessar-fogo na Síria.
Representantes de diferentes facções insurgentes estão reunidas em Ancara, capital da Turquia, para discutir novas estratégias de oposição ao regime do presidente Bashar al-Assad. Em dezembro, os rebeldes sofreram sua maior derrota até agora ao serem expulsos de Aleppo, no Norte da Síria.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia