Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 30 de janeiro de 2017. Atualizado às 21h45.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Segurança pública

Notícia da edição impressa de 31/01/2017. Alterada em 30/01 às 21h49min

Brigada Militar fez 104 mil prisões no ano passado

A Brigada Militar (BM) divulgou ontem os números da gestão operacional de 2016. Somente no ano que passou, foram feitas 104 mil prisões, com uma média de 287 detenções ao dia. Segundo o comandante-geral da BM, coronel Andreis Silvio Dal'Lago, com o aperfeiçoamento da gestão operacional, a chegada de mais viaturas, de mais coletes balísticos e de armas, as ações da corporação serão ainda mais eficientes em 2017.
Os policiais militares também retiraram das ruas cerca de 6 mil armas de fogo, confeccionaram mais de 35 mil termos circunstanciados e fiscalizaram 3,2 milhões de veículos, recuperando 16 mil em situação de furto ou roubo. Ainda no ano passado, mais de 6 milhões de pessoas foram identificadas em abordagens policiais qualificadas em veículos e no transporte coletivo, e mais de 2,6 toneladas de maconha, 39,6 quilos de cocaína e 165,5 quilos de crack foram apreendidos.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia