Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 19 de janeiro de 2017. Atualizado às 22h09.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Conjuntura Internacional

Notícia da edição impressa de 20/01/2017. Alterada em 19/01 às 20h45min

EUA tomarão ações rápidas em relação a Nafta e TPP

O governo do presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, tomará "ações rápidas" em relação aos acordos mais importantes de livre comércio que o país faz parte, o Tratado de Livre Comércio da América do Norte (Nafta) e a Parceria Transpacífico (TPP, na sigla em inglês), declarou, nesta quinta-feira, o escolhido de Trump como porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer.
Em uma coletiva de imprensa, Spicer criticou os comentários sobre a falta de autoridades de origem latina no novo governo norte-americano, sendo a primeira administração sem nenhum representante da minoria em quase 30 anos. Spicer defendeu a diversidade da equipe de Trump, com a nomeação de Elaine Chao, Ben Carson e Nikki Haley, que representam três minorias diferentes.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia