Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 30 de dezembro de 2016. Atualizado às 09h23.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Prefeitura de Porto Alegre

Notícia da edição impressa de 30/12/2016. Alterada em 29/12 às 21h20min

Marchezan assumirá a prefeitura neste domingo

Secretariado do prefeito eleito causará alterações na Câmara

Secretariado do prefeito eleito causará alterações na Câmara


JOEL VARGAS/PMPA/JC
Guilherme Kolling e Marcus Meneghetti
Depois de renunciar ao cargo de deputado federal neste sábado, Nelson Marchezan Júnior (PSDB) vai tomar posse à frente da prefeitura da Capital neste domingo, às 15h, em cerimônia na Câmara Municipal de Porto Alegre.
Marchezan assumirá como prefeito aos 45 anos e 1 mês de idade, o mais jovem desde a redemocratização. Ele surpreendeu ao ser o mais votado no primeiro turno da eleição à prefeitura, em outubro, apesar de as pesquisas o apontarem como terceiro na preferência do eleitorado.
No segundo turno, confirmou o favoritismo e venceu o adversário Sebastião Melo (PMDB), com 60,5% da votação válida.
O segundo prefeito mais jovem da Capital foi Tarso Genro (PT), que se tornou chefe do Executivo, pela primeira vez, em 1993, quando tinha 45 anos e 9 meses. Na sequência, estão Olívio Dutra (PT), Raul Pont (PT), José Fortunati (PDT), José Fogaça (então PPS, hoje PMDB) e Alceu Collares (PDT). O mais velho, nessas três décadas, é João Verle (PT), que era vice-prefeito e assumiu o Executivo aos 62 anos, com a renúncia de Tarso.
Às 18h deste domingo, ocorre o ato de transmissão do cargo de prefeito, no Paço Municipal. Lá, os 10 secretários municipais que já foram anunciados por Marchezan também vão estar presentes.
Entre os nomes escolhidos para o secretariado está o do vereador eleito Elizandro Sabino (PTB), anunciado para a pasta de Infraestrutura e Mobilidade Urbana. A nomeação gera alterações tanto na bancada do PTB na Câmara quanto na presidência da Casa. O suplente de Sabino é Luciano Marcantônio, que comporá a bancada petebista ao lado de Paulo Brum, Dr. Goulart e do atual presidente da Câmara, Cassio Trogildo.
Quanto à presidência, a bancada do PTB havia indicado Sabino para o cargo. Agora, Brum e Trogildo - que é o atual presidente - são os mais cotados.
Outro vereador convocado a compor o primeiro escalão é Ricardo Gomes (PP), que assume a pasta de Desenvolvimento Econômico. Quem ocupará o assento no Legislativo é Moisés Barbosa (PSDB).
pageitem_29_12_16_21_19_41_pg_15.jpg
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Dorian R. Bueno 30/12/2016 09h35min
FOGOS DE ARTIFÍCIOS ANTIGOS PARA UM ANO NOVO !!!nnEspero que muitas pessoas que forem brincar com fogos de artifícios na virada do ano velho, estejam vivas e sem dor para poder ver o 2017. Que coisa sem graça, todos os anos milhões de pessoas quando chega um novo ano, fica ali espremida nas areias, nas praças, olhando para o céu vendo um colorido distante e barulhento de bombas, foguetes cheios de mesmices. Tudo isto para mim é para gerar mídia na televisão, ver divulgado depois qual foi à maior queima de fogos de artifícios entre as grandes cidades, tendo em vista que as pequenas, nem aparecem nas estatísticas. O engraçado de tudo isto, é que sempre acontece da mesma maneira, e o povo ali fazendo papel de livres alegres, inocente figurantes sem cachês, doentes, atolados em sonhos distantes e muitas dívidas do passado. Depois quando clareia o novo dia, estes lugares estão imundos de lixos deixados e que nosso BONDOSO, GENEROSO, MARAVILHOSO, PACIENTE, Senhor dos Céus Deus, tenha MISERICÓRDIA de todos, por que isto acontece somente uma vez ao ano para poder extravasar sem limites. Já nos gabinetes das prefeituras os novos e corajosos prefeitos eleitos, assumem seus mandatos pegando as Cidades cheias de dívidas, mas com um legado de muitas coisas realizadas e outras que ainda precisarão ser concluídos. Logo ditarão suas novas regras governamentais, aproveitando que o povo ainda está na ressaca, e vida que segue. FELIZ 2017 !!!nAbs. Dorian Bueno Google+, POA, 30.12.2016 n