Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 27 de dezembro de 2016. Atualizado às 16h44.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Crise Política

27/12/2016 - 17h44min. Alterada em 27/12 às 17h46min

Temer diz que buscas em gráficas de campanha não o preocupam

Agência Brasil
O presidente Michel Temer disse hoje (27) que as operações de busca e apreensão realizadas pela Polícia Federal em empresas que prestaram serviços para a campanha eleitoral da chapa em que era vice de Dilma Rousseff em 2014 não o preocupam e são parte da investigação.
As buscas e apreensões foram determinadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
"Isso é natural. Não há nenhuma irregularidade nisso. A investigação segue adiante com depoimentos, perícias, fatos como esse que visam instruir processo que está no Tribunal Superior. Nenhuma preocupação", disse Temer em Maceió, durante entrevista coletiva após participar de anúncio de recursos de combate à seca.
Os mandados determinados pelo TSE investigam gráficas que prestaram serviços para a campanha eleitoral da chapa Dilma-Temer em 2014.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia