Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 13 de dezembro de 2016. Atualizado às 21h49.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

reestruturação do estado

Notícia da edição impressa de 14/12/2016. Alterada em 13/12 às 22h47min

Protesto contra medidas do governo termina em confusão

Manifestantes se concentraram em frente ao Palácio Piratini

Manifestantes se concentraram em frente ao Palácio Piratini


JC
Enquanto os deputados estaduais aprovavam os cinco de 10 projetos que estavam na pauta da sessão de ontem na Assembleia Legislativa - sob o olhar de uma pequena plateia de servidores públicos, que ocupava menos de um quarto das galerias do plenário -, manifestantes ligados aos sindicatos do funcionalismo público entravam em confronto com a Brigada Militar e seguranças do Palácio Piratini.
Os servidores que protestavam do lado de fora da Assembleia - ocupando toda a Praça da Matriz - foram impedidos de entrar no Parlamento, porque, segundo a assessoria de vários deputados, a presidência da Casa distribuiu para cada parlamentar três senhas correspondentes a assentos nas galerias - o que somaria 165 dos 250 lugares na plateia da Casa.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia