Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 25 de dezembro de 2016. Atualizado às 21h21.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Inter

Notícia da edição impressa de 26/12/2016. Alterada em 25/12 às 21h21min

Renovações entram na pauta colorada

Jogador emprestado a Chapecoense foi homenageado no Lance de Craque

Jogador emprestado a Chapecoense foi homenageado no Lance de Craque


RICARDO DUARTE/INTER/DIVULGAÇÃO/JC
Um dos seis sobreviventes do desastre aéreo da Chapecoense, o lateral-esquerdo Alan Ruschel já garantiu que vai voltar aos gramados e ganhou um aliado nesta luta. O Inter, clube que detém os direitos federativos do jogador, anunciou a renovação de seu contrato até o fim de 2018.
O anúncio do novo contrato aconteceu no sábado, mas o acerto foi firmado na sexta-feira em reunião do jogador com o novo presidente, Marcelo Medeiros, e o vice-presidente de futebol, Roberto Melo. Em foto publicada no site do clube, Alan Ruschel aparece vestindo uma camisa colorada com os dizeres "nada vai nos separar".
Contratado pelo Inter em 2014, Ruschel sempre sofreu com a falta de espaço no clube e, por isso, acabou emprestado em 2016 a Chapecoense. O contrato com o clube catarinense vai até maio e o jogador já manifestou o interesse de voltar a defender a equipe. Já com o Colorado, o vínculo ia somente até o fim do ano que vem, mas foi prorrogado por mais um ano.
Há somente 25 dias, o jogador estava no avião que levava o time catarinense para a final da Copa Sul-Americana, em Medellín, na Colômbia, e caiu nas cercanias da cidade, deixando 71 mortos. Alan Ruschel foi o primeiro sobrevivente encontrado e, até por isso, foi quem teve a recuperação mais acelerada entre os brasileiros.
Com fratura vertebral, precisou ser operado e correu o risco de ficar paraplégico, mas evoluiu de forma surpreendente, deixou o hospital há oito dias e inclusive já esteve no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, para dar o pontapé inicial no amistoso beneficente Lance de Craque, ao lado do meia argentino D'Alessandro. Os médicos avaliaram que Ruschel deve voltar a jogar em cerca de seis meses.
Quem segue com o futuro incerto é o lateral-direito William. Destaque em meio ao péssimo 2016 do Inter, o jogador não definiu a renovação de seu vínculo, que termina em abril de 2018. Após a conquista da medalha de ouro nos Jogos do Rio, William chamou atenção de clubes europeus.
Durante o Lance de Craque, o jogador falou que não sabe o que acontecerá em 2017. "Sinceramente, não sei nem o que vai acontecer amanhã. Eu vou deixar nas mãos de quem trabalha comigo, estou curtindo as férias e desligado de tudo. Quero curtir muito meu filho", disse. A direção colorada e o próprio atleta garantem que não houve contato do Palmeiras. Muito menos oferta de clubes do exterior. Mas a valorização é fato.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia