Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 23 de dezembro de 2016. Atualizado às 00h06.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

agronegócios

Notícia da edição impressa de 23/12/2016. Alterada em 22/12 às 20h37min

Marfrig se recusa a negociar demissões

Em encontro de mediação entre o Frigorífico Marfrig de Alegrete e o Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Alimentação do município, a empresa confirmou a decisão de encerrar as atividades da planta e de manter o controle das instalações, locadas do frigorífico Mercosul, até 2031. Sobre as demissões, a Marfrig propôs ao sindicato o pagamento, aos trabalhadores, de valores rescisórios, mais três cestas básicas. Estes termos não foram aceitos. A empresa deve demitir 648 trabalhadores no dia 2 de janeiro.
 
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia