Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 15 de dezembro de 2016. Atualizado às 21h55.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Agronegócios

Notícia da edição impressa de 16/12/2016. Alterada em 15/12 às 22h50min

Lavouras de verão estão com plantio quase finalizado

Para a soja, restam apenas 5% da área estimada a ser semeada

Para a soja, restam apenas 5% da área estimada a ser semeada


MARCELO BELEDELI/ESPECIAL/JC
Os produtores gaúchos estão finalizando a implantação das principais lavouras de verão, segundo o informativo conjuntural da Emater, divulgado nesta quinta-feira. Em geral, as culturas estão apresentando bom desenvolvimento. No entanto, em algumas áreas, a escassez de umidade já causa preocupação aos agricultores.
Na cultura da soja, resta a ser plantada apenas 5% da área estimada, de 5,524 milhões de hectares. De acordo com a Emater, a emergência e o desenvolvimento inicial das lavouras são normais, apresentando bom padrão de lavoura. Apenas uma pequena parcela implantada no período anterior (no Noroeste do Estado) apresenta desuniformidade de emergência devido à baixa umidade no solo naquela região. Nas Missões, em Novo Machado, Porto Mauá e Nova Candelária, as áreas de lavouras implantadas bem cedo com variedades precoces já iniciaram a floração. Em geral, é boa a densidade de plantas.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia