Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 15 de dezembro de 2016. Atualizado às 16h30.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Patrícia Knebel

Mercado Digital

Mercado Digital

Notícia da edição impressa de 15/12/2016. Alterada em 15/12 às 17h30min

ERP incorpora conceito de machine learning

Daniel Pozza, à direita, na sede da Galvanize, em São Francisco (EUA)

Daniel Pozza, à direita, na sede da Galvanize, em São Francisco (EUA)


ARQUIVO PESSOAL/DIVULGAÇÃO/JC
Foram 45 dias de incubação no principal ecossistema de inovação do mundo, o Vale do Silício (EUA). Uma experiência que, mais do que colocar os gestores da gaúcha Cake ERP em contato com grandes nomes da tecnologia global, foi decisiva para agregar novas funcionalidades ao produto que a startup se prepara para lançar em 2017. Um dos conceitos que estão sendo incorporados ao sistema de gestão da empresa é o machine learning, que é a capacidade de aprendizado das máquinas a partir das situações que vão acontecendo no dia a dia. "Hoje, os ERPs são extremamente estanques. Seremos o primeiro sistema de gestão inteligente do Brasil, que vai orientar os usuários sobre decisões do dia a dia da operação", comenta Daniel Pozza, responsável pelos novos negócios da Cake ERP e gerente de Produto da NL Informática, empresa de Caxias do Sul dentro da qual nasceu o projeto. O Cake ERP está há três anos no mercado, é 100% cloud e foi projetado para atender os micro e pequenos lojistas, distribuidores e franquias. Um dos diferenciais técnicos em relação aos concorrentes é a presença do ponto de venda embutido na solução e a facilidade de uso. Basta baixar no site e, em 15 minutos, começar a usar. A expectativa com as novidades vindas direto do Vale do Silício é grande. "Vamos entregar aos varejistas de pequeno e médio portes funcionalidades que atualmente estão disponíveis apenas em soluções que exigiriam milhares de dólares de investimentos", diz Pozza.
Futebol
O River Plate seguiu o mesmo caminho do Clube América, do México, e do Palmeiras, no Brasil, e anunciou a adoção da solução SAP Business One. O time argentino vai usar a tecnologia alemã para gerir os seus processos de negócios, como administração de áreas como compras, finanças e contratos.
Parque tecnológico binacional
Deve avançar em 2017 o projeto de construção de um parque tecnológico comum entre o Rio Grande do Sul e o Uruguai. O governo do Estado já possui acordos com os representantes de Rivera. "Até o segundo semestre do próximo ano, teremos o projeto básico definido, como as áreas prioritárias e as parcerias com as empresas âncoras e universidades", projeta o secretário substituto da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado, Renato de Oliveira.
Aceleração na construção civil
As empresas Gerdau, InterCement, Tigre e Vedacit se uniram para realizar um programa de aceleração de startups inédito no Brasil. Serão até R$ 2,5 milhões de investimentos previstos no Work in Progress (W.I.P), que será coordenado pela ACE, uma das mais reconhecidas aceleradoras da América Latina. Seis jovens companhias serão selecionadas para receber mentoria e treinamentos focados no desenvolvimento de suas ideias, que deverão atender a quatro frentes prioritárias: ambiente residencial, ambiente industrial/comercial, inovação nos serviços externos e serviço de valor agregado. A expectativa é que as startups desenvolvam soluções que gerem valor para os negócios dos players de construção civil parceiros do W.I.P. As inscrições estão abertas até o dia 9 de janeiro de 2017 no site da goace.vc. O início da incubação está previsto para abril.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia