Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 15 de dezembro de 2016. Atualizado às 20h35.

Jornal do Comércio

Viver

COMENTAR | CORRIGIR

acontece

Notícia da edição impressa de 16/12/2016. Alterada em 15/12 às 16h48min

Tambor da união

Grupo Alabê Ôni se apresenta na Casa Tony Petzhold

Grupo Alabê Ôni se apresenta na Casa Tony Petzhold


JOEL VARGAS/PMPA/JC
Um convite sensível para o encontro com o espaço, com o outro, com a arte e com os sentidos. Essa é ideia do Baile dos pés descalços, iniciativa da Casa Tony Petzhold (Cristóvão Colombo, 400) através do projeto Casa das Artes. A iniciativa acontece neste sábado, às 21h, com o grupo de percussão Alabê Ôni. Ingressos a R$ 20,00.
O grupo percussivo, criado em 2012, surgiu a partir da necessidade da valorização dos tambores ligados às manifestações de raízes africanas presentes no Rio Grande do Sul. Formado por Richard Serraria, Pingo Borel, Mimo Ferreira e Tuti Rodrigues, o Alabê Oni agora está em fase de finalização do documentário Alabem Brasileiro, que mostrará a viagem do grupo pelo Brasil.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia