Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 27 de novembro de 2016. Atualizado às 13h13.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Gente

Alterada em 27/11 às 14h17min

Cuba prepara eventos para homenagear Fidel Castro

Universitários choram a morte do líder revolucionário em Havana

Universitários choram a morte do líder revolucionário em Havana


STR/AFP/JC/
Agência Brasil
O Partido Comunista convocou o povo para homenagear Fidel Castro, a partir desta segunda-feira (28) até o dia do funeral do líder cubano, previsto para 4 de dezembro. Estão sendo organizados atos nesta segunda e terça-feira (29), no Memorial Jose Marti. De acordo com o ritual previsto, todos os que comparecerem às homenagens deverão assinar um livro em que prometem fidelidade à Revolução Cubana. Haverá também uma missa na Praça Havana, onde Fidel costumava se dirigir às multidões.
Líder da Revolução Cubana em 1959, Fidel Castro governou Cuba até 2013, quando renunciou a presidência em nome do irmão, Raúl Castro, atual presidente do país. Ao anunciar a morte de Fidel na televisão estatal cubana, Raúl Castro disse que o corpo do irmão será cremado. Ele também decretou luto oficial de nove dias no país. Ainda hoje, a comissão organizadora dos funerais do líder cubano divulgará informações detalhadas sobre as homenagens póstumas.
Na quarta-feira (30), as cinzas de Fidel serão levadas em caravana, passando por várias partes da ilha, para lembrar a caravana da Liberdade de janeiro de 1959, liderada por Fidel para comemorar a vitória da revolução e a queda do ditador Fulgencia Batista. As cinzas serão colocadas em um cemitério na cidade cubana de Santiago.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia