Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 20 de novembro de 2016. Atualizado às 21h43.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Índia

Notícia da edição impressa de 21/11/2016. Alterada em 20/11 às 17h39min

Descarrilamento deixa pelo menos 119 mortos

Pelo menos 119 pessoas morreram ontem depois que 14 vagões de um trem de passageiros descarrilaram em Pukhrayan, cidade no Norte da Índia. Outros 200 passageiros ficaram feridos no momento do impacto, em que houve engavetamento de alguns vagões. A tendência é de que o número de mortes se eleve.
Equipes médicas prestaram primeiros-socorros no local e feridos mais graves foram levados para hospitais em Kanpur, uma grande metrópole da região. Daljeet Chaudhary, chefe de polícia local, calculou que, entre os cerca de 200 feridos, 72 estão em estado crítico.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia