Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 08 de novembro de 2016. Atualizado às 10h27.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Educação

Notícia da edição impressa de 08/11/2016. Alterada em 07/11 às 22h55min

Inep nega semelhança com prova vazada em 2015

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) classificou como "tentativa de tumultuar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016" a repercussão da semelhança entre o tema da Redação deste ano com o de uma imagem de suposta prova do Enem que teria vazado em 2015.
A imagem com o título "Prova Falsa" foi publicada em outubro do ano passado no Facebook do Ministério da Educação (MEC) para desmentir boatos de vazamento da prova naquele ano. Na publicação, o tema da redação é Intolerância Religiosa no Século XXI. No entanto, a redação da prova do ano passado foi sobre "A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira". Na Redação aplicada no domingo, o tema foi "Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil".
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia