Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 28 de novembro de 2016. Atualizado às 19h48.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Copa do Brasil

28/11/2016 - 20h51min. Alterada em 28/11 às 20h51min

Victor reclama de 'falta de respeito' de gremistas em comemoração após 1ª final

O goleiro Victor colocou ainda mais fogo na decisão da Copa do Brasil. Nesta segunda-feira, ele criticou publicamente a atitude de alguns jogadores de seu ex-clube, o Grêmio, que teriam comemorado após vencerem o Atlético-MG na primeira partida da final, quarta-feira passada, quando fizeram 3 a 1 em pleno Mineirão. Para o jogador, a celebração foi uma espécie de provocação, já que as equipes ainda se enfrentam na quarta, em Porto Alegre.
“É difícil, depois de uma derrota da forma como foi, se manter forte, inabalável. Percebi uma tristeza muito grande dos jogadores, mas tentei mobilizar, manter eles focados. Disse que não tinha nada decidido, foi apenas um resultado ruim. Vi alguns jogadores do Grêmio comemorando e achei certa falta de respeito. Aquilo me deixou irritado”, declarou.
Apesar de admitir o incômodo, Victor preferiu não citar os nomes que teriam "provocado" o Atlético-MG. Ao invés disso, pediu que os jogadores mantenham a confiança na conquista. Segundo ele, as reviravoltas atleticanas nas campanhas dos títulos da Libertadores de 2013 e da Copa do Brasil de 2014 credenciam o time a ter uma postura otimista para a decisão.
“Temos pelo menos quatro motivos, no qual conseguimos reações improváveis, que muitos davam como incerta e a gente conseguiu. Falei na saída do campo: ‘Não duvidem da capacidade do Atlético-MG de reverter situações’. O Atlético-MG vai entrar forte, motivado e focado nesse jogo decisivo”, garantiu.
Para o confronto, o técnico interino Diogo Giacomini poderá contar com um importante reforço. O meia-atacante Luan se recuperou de um edema na panturrilha, participou normalmente do treino desta segunda e está à disposição. O venezuelano Otero, por sua vez, está fora por causa de um estiramento no ligamento colateral medial do joelho direito.
A tendência, no entanto, é que Luan inicie a partida no banco. Apesar da necessidade de reverter a vantagem gremista, Diogo deixou no ar a possibilidade de escalar três volantes na quarta. O Atlético-MG deve entrar em campo com: Victor; Marcos Rocha, Erazo, Gabriel e Fábio Santos; Leandro Donizete, Júnior Urso, Rafael Carioca (Cazares), Maicosuel e Robinho; Lucas Pratto.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia