Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sábado, 26 de novembro de 2016. Atualizado às 17h03.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

26/11/2016 - 18h00min. Alterada em 26/11 às 18h03min

Rafael Sóbis desmente boato e diz: 'Não tenho nada a ver com situação do Inter'

Sobis pretende jogar contra o Internacional

Sobis pretende jogar contra o Internacional


FUTURA PRESS/AE/JC
De volta ao Cruzeiro após cumprir suspensão, o atacante Rafael Sóbis pode ajudar a decretar o inédito rebaixamento do Internacional no Campeonato Brasileiro. Por ter uma identificação com o time colorado, o jogador precisou desmentir um boato de que teria pedido para não ser escalado na partida deste domingo, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.
“Não teve nada disso, estou pronto para o jogo, pronto para a viagem, trabalhei normalmente, nunca teve nenhuma conversa com ninguém do clube sobre jogar ou não jogar. Nem deveria dar explicações, mas para deixar em evidência que as pessoas mentem, as pessoas inventam, jamais vai passar pela minha cabeça pedir para não jogar, independentemente do clube que estiver e contra quem vou jogar. Será um jogo importante contra o Internacional que vive uma situação que eu, Rafael, não tenho nada a ver. Defendo um clube muito grande, é uma honra vestir essa camisa. Quero ajudar o Cruzeiro”, discursou o atacante em entrevista coletiva.
Rafael Sóbis é ídolo do Internacional por ter sido um dos principais jogadores na conquista da Libertadores em 2006. Na decisão contra o São Paulo, o atacante marcou os dois gols do time colorado na vitória por 2 a 1 sobre o São Paulo, no Morumbi no jogo de ida. Na volta, o empate por 2 a 2 garantiu a taça para a equipe gaúcha. Apesar do histórico, o atleta insistiu que entrará em campo para enfrentar um adversário qualquer.
“Volto a dizer, defendo outras cores e defenderei com a maior honra possível. Do outro lado o peso é muito maior, mas trabalhamos a semana aqui para mais um jogo. A camisa do Cruzeiro é muito pesada, nós representamos muita gente, trabalhamos com muita seriedade, então vamos nos preparar para um bom jogo e honrar a camisa que a gente veste”, finalizou.
O técnico Mano Menezes não confirmou a escalação do Cruzeiro, mas Rafael Sóbis deve entrar em campo como titular. O treinador não contará com o volante Henrique, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e o meia uruguaio Arrascaeta, expulso no empate por 2 a 2 com o Santos.
Na vaga do primeiro, Lucas Romero, que vinha atuando pela direita, entrará no meio de campo. Com isso, Ezequiel assume o lado direito. Na outra vaga, Alisson e Marcos Vinícius brigam pela posição. O time mineiro deve entrar em campo com: Rafael; Ezequiel, Manoel, Léo e Bryan; Lucas Romero, Ariel Cabral e Robinho; Alisson (Marcus Vinícius), Rafael Sóbis e Willian.
Confira a lista de relacionados do Cruzeiro:
Goleiros - Elisson, Lucas França e Rafael
Laterais - Bryan, Edimar, Ezequiel e Lucas
Zagueiros - Bruno Rodrigo, Fabrício Bruno, Léo e Manoel
Meio-campistas - Alex, Ariel Cabral, Bruno Nazário, Federico Gino, Bruno Ramires, Lucas Romero, Marcos Vinícius e Robinho
Atacantes - Alisson, Ramón Ábila, Rafael Sóbis e Willian
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia