Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 29 de novembro de 2016. Atualizado às 07h23.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado Financeiro

Bolsas asiáticas fecham majoritariamente em baixa, de olho na Opep e na Itália

As bolsas asiáticas fecharam majoritariamente em baixa nesta terça-feira (29), com os investidores demonstrando cautela antes de uma reunião de cúpula da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e de um referendo na Itália.
Na quarta-feira (30), a Opep se reúne em Viena para decidir sobre um plano para reduzir sua produção. Há dúvidas, porém, de que o cartel conseguirá de fato chegar a um pacto final. Em setembro, a Opep anunciou um acordo preliminar que prevê cortes na produção total do grupo, mas alguns de seus integrantes estão relutantes em acompanhar a iniciativa.

Já no domingo (04), os italianos vão votar sobre uma proposta de reforma da constituição do país, o que alimenta preocupações sobre a estabilidade política na Europa.

Em Tóquio, o Nikkei teve leve perdas pelo segundo dia consecutivo, após mostrar forte valorização nos sete pregões anteriores. Pressionado por realização de lucros, o índice japonês caiu 0,27% hoje, a 18.307,04 pontos.

Na China, o Xangai Composto subiu 0,18%, a 3.282,92 pontos, revertendo desvalorização de mais cedo, mas o menos abrangente Shenzhen Composto recuou 0,77%, a 2.110,36 pontos. Em Hong Kong, o Hang Seng teve perda de 0,41%, a 22.737,07 pontos.

Entre mercados menores da Ásia, o sul-coreano Kospi fechou praticamente estável em Seul, com alta apenas marginal de 0,01%, a 1.978,39 pontos, enquanto o Taiex caiu 0,32% em Taiwan, a 9.192,38 pontos, e o filipino PSEi registrou queda de 0,65% em Manila, a 6.781,20 pontos.

O tom predominantemente negativo na Ásia também veio após o fraco desempenho das bolsas de Nova Iorque, que ontem encerraram os negócios com baixas em torno de 0,3% a 0,6%.

Na Oceania, a bolsa australiana também caiu pela segunda sessão consecutiva, depois de acumular robustos ganhos na semana passada. O índice S&P/ASX 200 teve queda de 0,13% em Sydney, a 5.457,50 pontos, influenciada principalmente por ações de mineradoras e petrolíferas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia