Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 10 de novembro de 2016. Atualizado às 11h24.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Educação

Alterada em 10/11 às 12h25min

Kroton tem lucro ajustado sem Fies tem alta de 11,1% no terceiro trimestre

A Kroton Educacional teve seu resultado na visão societária afetado pelo não reconhecimento de receita de alunos do programa federal Fies no terceiro trimestre de 2016, o que a levou a optar por divulgar também os resultados pro forma. O lucro líquido pro forma - excluindo o impacto relacionado ao Fies - aumentou 11,1% na comparação anual, para R$ 452,7 milhões no terceiro trimestre de 2016. Em nove meses, o lucro chega a R$ 1,520 bilhão, alta de 10,5% ante igual período de 2015.
O resultado societário, porém, foi negativo. Ao não reconhecer a receita do Fies, a Kroton teve prejuízo de R$ 124,9 milhões no terceiro trimestre de 2016, revertendo lucro de R$ 312,7 milhões entre julho e setembro do ano passado. No acumulado de nove meses do ano, o lucro é de R$ 993,8 milhões, queda de 9,7% na comparação anual.
A política de reconhecimento de receita da Kroton fez com que a companhia não considerasse os valores referentes aos estudantes com financiamento pelo Fies nos seus resultados do terceiro trimestre de 2016 em razão do atraso nos repasses do programa no segundo semestre deste ano. As matrículas estão sendo normalizadas neste quarto trimestre, segundo a empresa.
O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) pro forma no terceiro trimestre ficou em R$ 532,2 milhões no trimestre, alta de 4,7% na comparação anual. Em nove meses, o Ebitda nessa visão que anula os efeitos dos atrasos no Fies chegou a R$ 1,771 bilhão, expansão de 6,7%.
A receita líquida pro forma da Kroton somou R$ 1,223 bilhão no terceiro trimestre, número 0,9% menor que o reportado nos mesmos meses de 2015. Em nove meses, a receita chega a R$ 3,883 bilhão, recuo de 1,3% na comparação anual.
Já a receita sem o reconhecimento dos alunos Fies foi de R$ 706,6 milhões entre julho e setembro. O montante é 42,8% inferior ao apurado no mesmo período de 2015.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia