Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 03 de novembro de 2016. Atualizado às 12h28.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Relações Internacionais

03/11/2016 - 13h23min. Alterada em 03/11 às 13h30min

Alemanha trará 400 empresários para encontro econômico em 2017 em Porto Alegre

Embaixador alemão  Georg Witschel se reúne com Sartori e projeta participação do país em encontro

Embaixador alemão Georg Witschel se reúne com Sartori e projeta participação do país em encontro


Palácio Piratini/Divulgação/JC
Patrícia Comunello
O Rio Grande do Sul deve receber cerca de 400 empresários alemães no Encontro Econômico Brasil-Alemanha que será em Porto Alegre em novembro de 2017. A previsão foi feita nesta quinta-feira (3) pelo embaixador alemão no Brasil, Georg Witschel, em audiência com o governador José Ivo Sartori no Palácio Piratini. A pauta foi justamente o evento.
"Vamos fazer inveja a todos que já fizeram o encontro", disse Sartori, logo após a agenda, durante almoço com a comitiva que participou da missão à Europa entre 16 e 21 de outubro. O evento econômico será de 12 a 14 de novembro na sede da Federação das Indústrias do Estado (Fiergs).        
Na conversa com o embaixador, o governador disse que "só não investe aqui quem não quiser". Em novembro, duas comitivas de regiões alemães vêm ao Rio Grande do Sul, da Renânia e Saxônia. Também vem o presidente do Vêneto, na Italia, Luca Zaia. São efeitos da missão recente. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia