Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 28 de outubro de 2016. Atualizado às 20h43.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Eleições 2016

28/10/2016 - 21h28min. Alterada em 28/10 às 21h44min

Melo eleva o tom nas críticas à Marchezan no último programa eleitoral

Melo e Juliana se revezaram no ar no programa da coligação Abraçando Porto Alegre; Marchezan apareceu sozinho no programa da coligação Porto Alegre Pra Frente

Melo e Juliana se revezaram no ar no programa da coligação Abraçando Porto Alegre; Marchezan apareceu sozinho no programa da coligação Porto Alegre Pra Frente


JC
Paulo Serpa Antunes
O último programa eleitoral do segundo turno da eleição municipal em Porto Alegre, que foi ao ar nesta sexta-feira (28), teve pedido de voto consciente, as últimas promessas dos candidatos e também um aumento no tom das críticas da campanha de Sebastião Melo (PMDB) a Nelson Marchezan Júnior (PSDB).
As pesquisas eleitorais apontam Marchezan na frente na disputa ao Paço Municipal na eleição que acontece neste domingo.
No último segmento do programa da coligação Abraçando Porto Alegre, a campanha de Melo exibiu um vídeo que mostra Marchezan comentando o suposto ataque a tiros ocorrido em seu comitê eleitoral na madrugada do dia 17 de outubro. Na sequência, mostrou reportagens em jornais e sites que apontam que a Polícia Federal descartou que tenha os vidros do comitê tenham estilhaçado por arma de fogo. O programa fecha em tom acusatório: "Marchezan inventou um atentado. O que mais Marchezan terá inventado para conseguir o seu voto?"
O programa do candidato do PMDB exibiu ainda uma homenagem de Melo aos servidores públicos e apresentou o candidato como aquele "que tem o apoio das comunidades, da educação, do carnaval e dos movimentos sociais". Em outro momento, sua candidata a vice, Juliana Brizola (PDT), falou que sua chapa representa "as certezas democráticas" e que do outro lado estão "todas as dúvidas e as práticas intimidatórias mais velhas que existem na política".
Marchezan Júnior encerrou a campanha na televisão da coligação Porto Alegre Pra Frente com um programa mais propositivo. Na sua primeira aparição falou em "despartidarizar a vidas nas comunidades" e que vai fazer um governo "onde ética e eficiência andem juntos". No principal segmento, uma canção com o refrão "uma nova atitude, um novo tempo" intercalava falas do deputado com propostas para a segurança pública, saúde, educação e outros temas. "É a esperança, e não o medo de mudar que vai fazer uma cidade mais justa para todos", falou o candidato no pronunciamento que encerrou o programa.
Confira abaixo os vídeos:
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia