Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 05 de outubro de 2016. Atualizado às 13h33.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Crise Política

Alterada em 05/10 às 13h34min

No TCU, relator diz que irregularidades 'ensejam a rejeição' das contas de Dilma

O relator do processo que analisa as contas do governo Dilma Rousseff em 2015, ministro José Múcio Monteiro, disse que irregularidades "ensejam a rejeição" das contas. O Tribunal de Contas da União (TCU) começou na manhã desta quarta-feira (5) a apreciar as contas do governo petista no ano passado. A tendência dos ministros da corte é de recomendar ao Congresso Nacional a reprovação das mesmas.
No relatório, José Múcio sustenta que o governo Dilma não observou plenamente os princípios constitucionais e legais na execução do orçamento federal e nas demais operações feitas com recursos públicos. "As contas não estão em condições de serem aprovadas, recomendando-se a sua rejeição pelo Congresso", escreveu o relator.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia