Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 12 de outubro de 2016. Atualizado às 14h47.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

relações internacionais

Alterada em 12/10 às 14h49min

Vladimir Putin diz que Ocidente acusa Rússia injustamente sobre Síria

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, atacou o Ocidente sobre a Síria, dizendo que Estados Unidos e Europa acusaram injustamente o País pela quebra do cessar-fogo.
Putin disse que o ataque aéreo a um comboio humanitário em Aleppo, em setembro, foi realizado por grupos extremistas. Os Estados Unidos atribuíram o ataque à Síria e Rússia. "Foi uma organização terrorista. Nós sabemos que os americanos sabem disso, mas eles preferem ter uma posição diferente. Eles preferem fazer acusações generalizadas contra a Rússia", disse Putin, durante evento em Moscou nesta quarta-feira.
O presidente russo também acusou as potências ocidentais de usarem o veto de uma resolução do Conselho de Segurança da ONU sobre a Síria, redigida pela França, para minar o papel de Moscou no processo de paz. "E por quê? Para agravar a situação e inflamar a histeria anti-russa em sua mídia controlada." 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia