Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 05 de outubro de 2016. Atualizado às 23h58.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado de Capitais

Notícia da edição impressa de 06/10/2016. Alterada em 05/10 às 21h40min

Ibovespa registra maior nível em dois anos

Uma combinação de fatores positivos - internos e externos - alimentou o bom humor no mercado de ações ontem, levando o Índice Bovespa a subir 1,54%, aos 60.254 pontos, novo pico no ano e maior nível desde 5 de setembro de 2014. A influência positiva começou com a alta dos preços do petróleo e das bolsas americanas, mas ganhou fôlego extra com o noticiário doméstico, que apontou para vitórias do governo na condução das medidas de ajuste fiscal.
Os acordos na base aliada do governo para aprovar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limita os gastos públicos foi a base do otimismo dos investidores, mas não o único fator a incentivar as ordens de compra. Também teve boa receptividade a aprovação à tarde na Câmara, do projeto de urgência para a tramitação do projeto que altera a lei de repatriação de recursos enviados ilegalmente ao exterior.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia