Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 15 de setembro de 2016. Atualizado às 08h14.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

eleições 2016

Notícia da edição impressa de 15/09/2016. Alterada em 15/09 às 08h14min

Sebastião Melo recebe apoio de Marina Silva e Pedro Simon

 Caminhada saiu do Glênio Peres em direção à Alfândega

Caminhada saiu do Glênio Peres em direção à Alfândega


MARCO QUINTANA/JC
Carolina Hickmann
Em ato chamado pela coligação Abraçando Porto Alegre, encabeçada pelo PMDB, a ex-senadora Marina Silva (Rede) e o ex-senador Pedro Simon (PMDB) prestaram apoio à candidatura do peemedebista Sebastião Melo. Eles percorreram o trajeto do largo Glênio Peres até a Praça da Alfândega, onde, com uma caixa de som, transmitiram seu entendimento sobre o pleito municipal deste ano.
Marina iniciou sua fala pedindo desculpas por estar acometida por uma forte gripe. Falando baixo, ela destacou a alegria de voltar ao Estado e a importância de as prefeituras também estarem atentas à questão da sustentabilidade. "Precisamos de uma gestão que garanta melhorias no meio ambiente. A chance de ter alguém que dê continuidade ao processo que José Fortunati (PDT) vem fazendo é fundamental", afirmou. A ex-senadora elogiou o programa da chapa de Melo e lembrou que "programa é um contrato de trabalho". Ela também destacou a necessidade de gestão transparente. "Precisamos sempre ter como base a verdade", disse.
Melo afirmou ter convicção de que este pleito será de dois turnos. Ao falar das dificuldades encontradas pelo descrédito da política como instituição, dirigindo-se à militância, afirmou: "o eleitor é o nosso principal adversário, ele não quer votar em ninguém". Sobre a participação de Marina, Melo disse estar "sentindo-se em casa", já que, por duas vezes, votou na porta-voz nacional da Rede. Nas últimas eleições para presidente, apoiou Marina, quando o PMDB estava coligado com PT.
Estiveram no ato outros representes da Rede, como o deputado federal João Derly e a deputada estadual Regina Becker. Marina também participou da gravação de programas com a chapa que disputa o Executivo de Porto Alegre. Na manhã de ontem, a ex-senadora prestou apoio ao candidato apoiado por seu partido em Novo Hamburgo, e deve seguir com agendas nas cidades de Canoas e Cachoeirinha, municípios em que a sigla mantém alianças programáticas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia