Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 07 de setembro de 2016. Atualizado às 12h59.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Crise Política

06/09/2016 - 16h33min. Alterada em 07/09 às 13h05min

Dilma se despede do Palácio do Alvorada e retorna a Porto Alegre

A ex-presidente recebeu chuva de pétalas e cumprimentou centenas de pessoas, a maioria mulheres

A ex-presidente recebeu chuva de pétalas e cumprimentou centenas de pessoas, a maioria mulheres


Wilson Dias/Agência Brasil/JC
Agência Brasil
A ex-presidente da República, Dilma Rousseff (PT), deixou, por volta das 15h30min desta terça-feira (6), o Palácio da Alvorada, em Brasília, onde residia desde 1 de janeiro de 2011. Uma multidão acompanhou a despedida, que encerra o período de quatro anos do primeiro mandato e parte do segundo (um ano e quase nove meses) no comando do País.  
Dilma se dirigiu à Base Aérea de Brasília, onde embarcará em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB), com destino a Porto Alegre, onde passará a residir e já tem apartamento na zona sul da Capital gaúcha. Ela deve desembarcar na Base Aérea de Canoas. Ato previsto pela Frente Popular que ocorreria no Aeroporto Internacional Salgado Filho acabou cancelado.
Na saída da comitiva, a ex-presidente deixou o carro onde estava para cumprimentar as centenas de pessoas, em sua maioria, mulheres, que a aguardavam desde cedo em frente ao palácio para se despedir dela. Ao passar, pétalas de rosas foram lançadas sobre ela. 
Acompanhavam a ex-presidente o ex-ministro José Eduardo Cardozo, que foi seu advogado no processo de impeachment, e os ex-ministros Kátia Abreu, Miguel Rossetto, Jaques Wagner e Ricardo Berzoini e alguns senadores petistas.
Na Capital gaúcha, novo ato de Fora Temer será feito na noite desta terça-feira, com concentração na Esquina Democrática. Há especulação de que Dilma poderá participar. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia