Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de setembro de 2016. Atualizado às 23h28.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Terrorismo

Notícia da edição impressa de 09/09/2016. Alterada em 08/09 às 23h22min

Áustria acusa dois homens de ligação com atentados em Paris

Promotores da Áustria acusaram dois homens de fazerem parte de uma facção terrorista em conexão com os atentados que deixaram, em novembro do ano passado, 130 mortos em Paris. Um comunicado emitido pela promotoria de Salzburg nesta quinta-feira afirma que ambos eram acusados de ajudar outros dois suspeitos extraditados pela Áustria para a França com "apoio logístico, coleta de informações e repasses de contatos".
Os acusados foram identificados como um marroquino de 26 anos e um argelino de 40 anos. Os nomes não foram divulgados, respeitando as leis austríacas de privacidade. Eles também foram acusados de pertencer a uma organização criminosa. Já os suspeitos que foram extraditados em julho eram um paquistanês de 35 anos e um argelino de 29 anos. Acredita-se que os quatro foram à Europa no ano passado e compartilharam o mesmo abrigo para refugiados em Salzburg.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia