Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 05 de setembro de 2016. Atualizado às 22h48.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Hong Kong

Notícia da edição impressa de 06/09/2016. Alterada em 05/09 às 22h36min

Jovens pró-democracia conquistam assentos importantes nas eleições

Após uma eleição com recorde de eleitores, um líder da Revolução dos Guarda-Chuvas de 2014 e vários jovens ativistas conseguiram um assento no Parlamento de Hong Kong. Pró-democracia, os jovens tentam mudar a forma como a cidade é governada por Pequim.
De acordo com os resultados oficiais divulgados nesta segunda-feira, três candidatos de novos movimentos - e alguns com caráter independentista -, nascidos após os protestos pró-democracia ocorridos há dois anos, conseguiram cadeiras no Conselho Legislativo, o que é fundamental para manter o poder de veto sobre o Sul da China.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia