Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 01 de setembro de 2016. Atualizado às 23h23.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Estados Unidos

Notícia da edição impressa de 02/09/2016. Alterada em 01/09 às 23h14min

Para Peña Nieto, Trump é 'uma grande ameaça'

O presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, classificou o candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, como uma ameaça ao México, pouco depois do encontro entre os dois, realizado na quarta-feira. "Suas posições políticas podem representar uma grande ameaça ao México, e não estou preparado para ficar de braços cruzados e não fazer nada", disse ele.
Anteriormente, Peña Nieto havia saudado o encontro com Trump como "aberto e construtivo". O magnata norte-americano também se referiu ao líder mexicano como amigo e um "maravilhoso" presidente. Assim como o mexicano, Trump mudou de tom ao voltar para os EUA. Em seu esperado discurso sobre imigração, o republicano manteve a agressividade, que é uma das marcas de sua campanha.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia