Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 27 de setembro de 2016. Atualizado às 22h58.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Infraestrutura

Notícia da edição impressa de 28/09/2016. Alterada em 27/09 às 22h59min

EPL será adequada para longo prazo

A Empresa de Planejamento e Logística (EPL) deve ser adequada para atuar no planejamento de longo prazo do setor de transportes, de maneira similar à Empresa de Pesquisa Energética (EPE) para o setor elétrico, disse o secretário de Articulação de Investimentos de Parcerias do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Marcelo Allain.
A ideia é que se desenhe um planejamento com um horizonte de 20 anos, tendo como base a perspectiva de crescimento da produção mineral, do agronegócio e da indústria, para indicar quais modais deveriam ser usados para o escoamento da produção. "Estamos apresentando o planejamento de curto prazo, mas há uma demanda sobre qual é o plano para o longo prazo, e é algo que temos que pensar como País: quais as vertentes de geração de carga, quais as soluções de modais, como será a logística de longo prazo", afirmou.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia